QUANTO CUSTA REGISTRAR UM CONTRATO DE LOCAÇÃO DE IMÓVEL

Saiba quanto vai gastar para levar o contrato de locação para registro na matrícula do imóvel locado.

QUANTO CUSTA REGISTRAR UM CONTRATO DE LOCAÇÃO DE IMÓVEL

Existem algumas situações em que o locatário tem direito de proteção da e a legislação determina que para garantir este direito, seja anotado na matrícula. A principal dúvida é em relação aos custos de cartório que muitos acreditam ser elevado.

Quando o contrato de locação pode ser levado ao cartório de imóveis

Regido por lei especial, Lei do Inquilinato 8.245/91, o locatário tem o direito de ser protegido nos casos em que o locador decide vender o imóvel durante o prazo contratado. Esse direito esta previsto nos artigos 8.º e 27.º a 34.º e para esta proteção em alguns casos é preciso levar o documento ao cartório de registro de imóveis(RGI).
O artigo 8.º diz respeito a existir cláusula de vigência que obriga o adquirente do imóvel a respeitar o prazo do contrato. Nessa situação o contrato registrado será cumprido até o final do prazo não podendo haver encerramento após a aquisição pelo adquirente do imóvel(exceto em casos de infração). 


Nas situações do artigo 27.º a 34.º que diz respeito ao Direito de Preferência na aquisição, o contrato é averbado para garantir que o locatário não seja preterido pelo locador em uma possível venda a terceiros desrespeitando a preferência.
Existe ainda a garantia contratual por caução de imóvel(art. 37.º e 38.º)oferecido pelo locatário ou terceiros de sua confiança que obriga a averbação na matrícula do imóvel dado em garantia, do contrato de locação. Para adquirir direito real é preciso ser feita escritura pública e o ato será de registro.

Quando o contrato de locação não pode ser levado ao cartório de imóveis

Em todos os outros casos o contrato não acessará o registro de imóveis, podendo ser levado ao cartório de títulos e documentos. Nos casos de contrato verbal previsto no artigo 47 da lei 8.245/91 por óbvio não há como cumprir o artigo 27.º porém a preferência deve ser enviada por precaução evitando uma ação judicial de indenização.

Qual a base de cálculo para registrar e averbar um contrato de locação 

Os custos são determinados por lei estadual que anualmente pública o reajuste da Tabela de Emolumentos. Como exemplo utilizo a Tabela de emolumentos cartorários de São Paulo.
👉contrato com prazo determinado: o valor da base de cálculo será o valor do aluguel multiplicado pelo prazo do contrato em meses. Contrato determinado de 30 meses com um aluguel de mil reais mensais terá como base de cálculo = R$ 30.000,00
👉contrato com prazo indeterminado: a base de cálculo no estado de São Paulo será 12 meses de contrato multiplicado pelo valor do aluguel. No exemplo acima 12 x R$ 1.000,00 = 12.000,00. A cada 12 meses será renovado.
👉contrato verbal: não tem acesso ao cartório sem prejuízo do locatário buscar indenização na justiça alegando que o contrato escrito não foi elaborado pelo locador para não oferecer a preferência.

Quanto será pago para registrar ou averbar o contrato de locação

Na tabela de emolumentos 2021 do registro de imóveis procure a alínea correspondente ao valor da base de cálculo inicial encontrada. A tabela informa detalhadamente os custos de registro e  averbação. Exemplo.

👉alínea "f" - R$29.090,01 até R$ 87.270,00: valor de registro = R$ 1.141,74 já incluído o imposto municipal(ISS). Deste valor R$ 684,32 é do Cartório e o restante é repartido entre Estado, Fazenda Estadual, Registro Civil, Tribunal de Justiça, Ministério Público e o imposto municipal. Sobre este valor pode haver outros pequenos valores como reconhecimento de firma no documento, o valor do selo, deduzindo dos valores cobrados o preço pago inicialmente na prenotação do título. Lembrando que pode variar de um estado para o outro.
👉alínea "f" - R$ 29.090,01 até R$ 87.270,00: valor e averbação = R$ 391,62 já incluído o imposto municipal, a averbação é bem menos onerosa que o registro e é utilizada na caução em bens imóveis.

📢Concluindo
Importante frisar que qualquer via do contrato de locação pode ser apresentada ao cartório de imóveis assinada pelas partes envolvidas e 02(duas) testemunhas. Eis aqui uma situação que demonstra a importância de duas testemunhas assinarem o contrato de locação. Neste caso o cartório as exige. 

Comentários

  1. Boa tarde..
    aluguei uma casa com duração do contrato de 12 meses na imobiliária.
    só quero sair do imóvel.
    fiquei no imóvel apenas 1 mês..
    eu entrei em contato com o locatário
    e ele me diz que não cobraria multa rescisória
    seria um acordo comum entre as partes...
    se fosse cobrar a multa. qual seria o valor da multa..no contrato fala 20%.
    se a multa fosse cobrada ela seria paga a quem?
    imobiliária ou proprietário

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá. Se a imobiliária administra o contrato mensalmente e tem procuração do locador, os acordos devem ser por escrito e via imobiliária. Se recebeu as chaves da imobiliária e paga o aluguel com boleto enviado pela imobiliária, deves resolver desta forma. 20% da soma dos aluguéis faltantes é a multa. Usou um mês, paga 20% de 11 alugueis.
      Abraços.

      Excluir

Postar um comentário

Os assuntos relativos ao Ramo Imobiliário envolvem legislação geral, legislação especial, prática no mercado, decisões judiciais, jurisprudência dos tribunais e análise especifica de cada situação que em cada estado do Brasil pode ser diferente e com o tempo vai se modificando e aqui não podem abranger 100% do que você precisa saber. NUNCA utilize o que for publicado como solução definitiva. Aqui você encontra um caminho para entender um pouco sobre imóveis. Não nos responsabilizamos pelo uso indevido das informações prestadas. Entenda seu problema e busque a solução junto a um profissional de sua confiança.
Este site pertence ao Google que pode coletar informações sobre quem o acessa como sua localização, tempo que ficou no site e em cada página visitada, o que pesquisou. Essas informações visam direcionar os assuntos para o que as pessoas mais procuram. Não deixe de visitar a página de privacidade e saber mais sobre como tratamos seus dados.

Comentários e dúvidas serão respondidas dentro de 48h e o email fica a disposição caso não houver retorno
Email: mcamini150@gmail.com

POLITICA DE COOKIES

Este site usa cookies e armazena dados como endereço do IP e localização para fins de melhorar o conteúdo específico e a visitação.Em respeito aos leitores não armazeno dados pessoais. PROSSIGA SOMENTE SE VOCÊ CONCORDAR.
Maiores informações acesse POLITICA DE PRIVACIDADE.