INFORME DE RENDIMENTOS DO AUXILIO EMERGENCIAL

Saoba como baixar o informe de rendimentos do auxilio emergencial e quem esta obrigado a declarar no ir 2021

Está disponível para download o Informe de Rendimentos do Auxilio Emergencial recebido em de 2020 para informar na Declaração de Renda 2021 ano base 2020. 

Saiba quem está obrigado a declarar, quem está isento e como acessar o informe. 
O documento deve ser baixado no site do Ministério da Cidadania e você pode fazer o download aqui.

💇Quem esta obrigado a declarar o Auxilio Emergencial no IR 2021💇

O contribuinte que no ano base de 2020 recebeu Rendimentos Tributáveis acima de R$ 22.847,76 sem considerar o valor total do auxilio está obrigado a declarar o IR 2021 que se for do interesse pode ser feito o download no link azul. Em fichas separadas, será informado o total recebido de auxilio até 31/12/2021 e o total recebido de rendimentos tributados de pessoa jurídica ou pessoa física mês a mês.

💸Exemplo 01: 

👉recebeu em 2020  - R$ 4.220,00 de Auxilio até 31/12/2020

👉recebeu em 2020 - R$ 23.780,00 de aluguéis 

Contribuinte recebeu no ano mais de R$ 22.847,76 e está obrigado a declarar o Auxilio Emergencial e poderá ter que devolver este ao governo.

💸Exemplo 02:

👉recebeu em 2020 - R$ 4.220,00 de Auxilio até 31/12/2020

👉recebeu em 2020 - R$ 22.900,00 de renda como autônomo

Contribuinte está obrigado a declarar o Auxilio e poderá ter que devolver parte ou todo ao governo

🙋Quem não está obrigado a declara o Auxilio Emergencial no IR 2021🙋

❌contribuintes que receberam rendimentos tributados menor que R$ 22.847,76 estão isentos.

❌contribuintes que só receberam o Auxilio Emergencial sem nenhum outro rendimento.

📣Acesse o site do Ministérios da Cidadania e faça o download do Informe de Rendimentos do Auxilio Emergencial 

Tenha em mãos os seguintes documentos:
✅CPF e nome completo
✅nome completo da mãe
✅data de nascimento
✅verifique que não é um robô e clique no botão "Enviar"
✅abaixo do nome e CPF clique em "clique aqui" e salve o arquivo

📎A página mostra o histórico de pagamento efetuados somente até 31/12/2020
📎Você pode verificar os valores recebidos também da extensão
📎Os valores recebidos em 2021 serão informado em 2022
📎A pagina trás no final a esquerda informações do grupo familiar
📎Se o auxilio já tiver sido devolvido desconsidere o aviso e a DARF
📎O total do auxilio a ser devolvido não será deduzido do imposto s restituir
📎Código da DARF 5930

Clique na foto para fazer o download do 

Informe do auxilio emergencial

👇👇👇👇👇👇👇👇👇👇👇👇👇

Baixe aqui o informe de rendimentos do Auxilio emergencial recebido em 2020


O contribuinte que estiver obrigado a devolver os valores ao preencher a declaração de renda 2021, esta automaticamente irá informar a devolução e gerar a DARF para pagamento.

Comentários

  1. Olá, boa noite, so proprietário de im imóvel a mais de 25 anos, hoje encontra-se locado, porém já até residi no mesmo, o inquilino esta lá a um ano, acontece que atrás do referido imóvel existe um grande terreno no qual foram vendido lotes e estão construindo várias casas, que essas construções sao irregulares, ou seja sem as devidas licenças, que as mesmas vieram a mudar o lençol freático, e começo a minar água pelo chão na casa que tenho alugada, que a agua que minou veio a danificar algumas mesas de madeira que o inquilino mantinha no cômodo que alagou, assim que fui comunicado pelo locatário sobre tal incidente de imediato, procedi com uma equipe para solucionar o problema, realizei obras em que instalei 4 caixas conjugadas para drenar a água do lençol, escoandoa para o esgoto de águas pluviais e assim o problema foi resolvido, realizei a obra em apenas 2 dias e meio, graças o empenho da equipe, agora o locatário quer que eu pague ou divida com ele o prejuízo dos móveis do mesmo, imputando este um valor absurdo em seu prejuízo 20.000,00 e querendo este que eu arque com a metade, e caso não o faça diz o mesmo que passará a pagar o aluguel em juízo, que irá entrar na justiça, não só para receber o valor do prejuízo bem com danos morais, ai eu pergunto isso esta certo, eu arquei com o meu prejuízo, fazendo a obra sem entrar em litígio com as construções irregulares que está sendo edificadas no referido terreno, assim no meu entender o locatário querendo ser ressarcido deveria botar na justiça as pessoas que estão edificando as referidas casas, não.
    Peço uma luz para tal questão.
    Desde já muito obrigado.
    Sergio.
    Email slcr1960@hotmail.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Sergio, não sou advogada e essa situação exige uma notificação extrajudicial ao teu lcoatário para garantir teus direitos e te prevenir de problemas. O dano não foi causado por você e sim por terceiros e no momento em que atingiu teu imóvel você solucionou o problema imediatamente após r comunicado pelo lcoatário. cumpriu sua obrigação. No meu entendimento cada um arca com seu prejuizo e ambos podem buscar contra o loteador irregular perdas e danos e até mesmo contra a prefeitura que permitiu este loteamento. Não creio que o locatário tenha sucesso na ação judicial contra você, mas precisas notifica-lo nos termos legais através de uma dvogado.
      Abraços


      Excluir
    2. Muito obrigado pela resposta e o atendimento a mim prestado.

      Excluir
    3. Espero que se resolva da melhor forma possivel.

      Excluir
  2. Bom dia, o meu aluguel vence todo dia 22 e tenho 3 dias de carência para realizar o pagamento.
    Depois desses 3 dias sei que será cobrado juros, e no contrato diz que é de 3,00 reais por dia, gostaria de saber como é calculado os dias de atraso,? Estou em dúvida.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Bom dia Cida. não existe juros de 3 reais por dia. Os juros legais vão de 1% a no máximo o dobro que é 2% ao mês. Se foi determinado 3 reais por dia essa clausula é nula e deve ser cobrado os juros de 1% ao mês que é o legal.
      O calculo é 1% dividido por 31 dias x dias em atraso = juros a pagar.
      Abraços

      Excluir

Postar um comentário

Os assuntos relativos ao Ramo Imobiliário envolvem legislação geral, legislação especial, prática no mercado, decisões judiciais, jurisprudência dos tribunais e análise especifica de cada situação que em cada estado do Brasil pode ser diferente e com o tempo vai se modificando e aqui não podem abranger 100% do que você precisa saber. NUNCA utilize o que for publicado como solução definitiva. Aqui você encontra um caminho para entender um pouco sobre imóveis. Não nos responsabilizamos pelo uso indevido das informações prestadas. Entenda seu problema e busque a solução junto a um profissional de sua confiança.
Este site pertence ao Google que pode coletar informações sobre quem o acessa como sua localização, tempo que ficou no site e em cada página visitada, o que pesquisou. Essas informações visam direcionar os assuntos para o que as pessoas mais procuram. Não deixe de visitar a página de privacidade e saber mais sobre como tratamos seus dados.

Comentários e dúvidas serão respondidas dentro de 48h e o email fica a disposição caso não houver retorno
Email: mcamini150@gmail.com

POLITICA DE COOKIES

Este site usa cookies e armazena dados como endereço do IP e localização para fins de melhorar o conteúdo específico e a visitação.Em respeito aos leitores não armazeno dados pessoais. PROSSIGA SOMENTE SE VOCÊ CONCORDAR.
Maiores informações acesse POLITICA DE PRIVACIDADE.