/>/> SABER IMOBILIÁRIO: SEGURO FIANÇA LOCATÍCIA - APROVAÇÃO DO CADASTRO />

25/10/2012

SEGURO FIANÇA LOCATÍCIA - APROVAÇÃO DO CADASTRO

Nem sempre seguir os critérios que as imobiliárias apresentam para análise cadastral do seguro significa que você será aprovado. A renda é apenas um dos critérios a ser analisado pela Seguradora.
Na pratica, o que a seguradora faz é colocar todos os dados fornecidos por você na ficha  de cadastro bem como os contidos nos documentos apresentados, dentro de um programa de informatica.

O programa de informatica trás uma pontuação conforme os dados do possível candidato.
Conforme a pontuação o cadastro é aprovado ou reprovado. Exija sempre saber o motivo da reprovação e o que fazer para ter o cadastro aprovado. È direito do credor aceitar ou não seu cliente e se não houver jeito não há o que se possa fazer para que eles te aprovem.

Quanto maior tua pontuação, maior a chance de ser aprovado e menor o valor do seguro a ser pago.
O valor gira em torno de 130% do valor do aluguel mais taxas, dependendo desta pontuação ele pode reduzir ou aumentar e chegar até 02 alugueis mais taxas.

Você não conseguirá aprovação se:
- tiver abalo de crédito, incluindo seu cônjuge;
- ficou devendo e não pagou, para outra seguradora no passado(mesmo que já caducado);
- tiver ação judicial contra seguradoras e financeiras ou bancos;
- não atingir os critérios mínimos de renda;
- tiver ações judicais ativas ou não contra locadores e seguradoras.

Obs: Nestes casos acima você não consegue aprovação a não ser que peça para outra pessoa ser o locatário e não citar que você irá residir no imóvel. Nos demais casos vai depender da tua pontuação.
Como disse antes, a empresa tem o direito de escolher seu cliente.

São alguns critérios de pontuação:
- renda: quanto maior a renda acima de 3 vezes  maior a pontuação;
- locação atual: se moras em imóvel locado a muitos anos pagando em dia, também aumenta a pontuação;
- idade: quanto menor a idade, melhor a pontuação
- profissão: carteira assina aumenta a pontuação a cada ano de carteira; aposentado depende da idade e renda; profissional libera e microempresário depende da movimentação bancária; renda de aluguel aumenta a pontuação

Obs: Não há como determinar todos os critérios utilizados que são decididos pelas empresas mas o mais importante é você saber que não é tão simples quanto parece. Apesar de ser um seguro em que outro é beneficiado para contrata-lo é preciso atingir o que as empresas pedem, não é o mesmo que fazer um seguro de vida onde você decide o valor do seguro, paga e ponto final. No seguro fiança, é diferente porque ele reembolsa o locador e cobra de você, simplesmente porque você não é o beneficiário e sim o locador.


Um comentário:

  1. Ocorreu comigo exatamente isso. minha mãe não foi aprovada com uma renda 4 vezes o valor da locação mas com idade acima de 90 anos. Necessário foi que me incluísse no contrato para que ela pudesse ter onde residir. O governo precisa acabar com o despejo judicial e assim acabar com a fiança. Justíssimo. Parabéns pelo site.

    ResponderExcluir

Meu Blog é democrático e criticas só virão a aperfeiçoar seu conteúdo. Por outro lado elogios só vem a incentivar sua criadora.Criticas ofensivas serão apagadas, criticas construtivas serão mantidas. Se teu comentário não for respondido em 48 horas, envie um Email pois posso não ter recebido a notificação de que foi postado. Os assuntos aqui postados são amplos e podem sofrer alterações de acordo com cada caso.

DÊ PREFERÊNCIA EM ENVIAR UM EMAIL
EMAIL: mcamini150@gmail.com