/>/> SABER IMOBILIÁRIO: 11/01/2015 - 12/01/2015 />

30/11/2015

INCC 2015 UTILIZADO NA CORREÇÃO DAS PARCELAS DE IMÓVEIS NA PLANTA OU CONSTRUÇÃO


 INCC 2015 - CORREÇÃO DAS PARCELAS DE IMÓVEIS NA PLANTA OU CONSTRUÇÃO


O INCC 2015 é utilizado na correção de parcelas de imóveis na planta ou em construção e após a conclusão do empreendimento proibido sua utilização devendo ser substituído pelo índice que constar em contrato. 


Calculo
Nas parcelas pagas pelo adquirente a incidência do INCC ocorre em cada parcela mensal para contratos com 36 parcelas ou mais e anual para contratos com parcelas menores que 36 meses, também podendo ocorrer o pagamento do INCC de uma só vez no fim dos pagamento ao construtor e obtenção de financiamento bancário incidindo sobre o saldo devedor atualizado.


Tipos de INCC
  1.  INCC-M: calculado entre o dia 21 do mês anterior e 20 do mês vigente(atual) ou para alguns mês referência;
  2. INCC-10: calculado entre o dia 11 do mês anterior e 10 do mês vigente(atual, referência).
  3. INDD- DI: calculado entre os dias 1º e ultimo do mesmo mês.

Nos imóveis na planta e em construção, construtores e incorporadores costumam utilizar INCC-DI para corrigir, parcelas, intermediária e saldo devedor. Esteja atento, tudo que você paga no contrato incide este índice de reajuste.

Tabela 2015 - INCC- DI
Índice de nov/2015: 0,34% - acumulado ano: 7,37% - acum. 12 meses: 7,46%
Ìndice de dez/2015:  0,10% - acumulado ano: 7,48% - acum. 12 meses: 7,48%







Tabela 2015 - INCC- M
Índice novembro 2015 - 0,37% - anual; 7,33%
Índice dezembro 2015 - 0,30% - anual: 7,40%








24/11/2015

MINHA CASA MINHA VIDA 3 - 2016 - REGRAS




MINHA CASA MINHA VIDA 3 - 2016 
  REGRAS


O Programa Minha Casa Minha Vida 3 prometido pelo governo federal para o ano de 2016 chega com a promessa de aumento no valor do teto máximo dos imóveis a serem financiados e mudança nas faixas e renda além de criar uma nova faixa com regras especiais.


      Novo teto para os imóveis do minha Casa Minha Vida 3

  • Regiões metropolitanas do Distrito Federal, São Paulo e Rio de Janeiro

Preço dos imóveis passam para 225 mil.
Na faixa de renda mensal de 1,5 mil imóveis até 135 mil reais

  • Regiões metropolitanas da região Sul(RS,SC,PR), Minhas Gerais e Espirito Santo

Preços dos imóveis passam para 200 mil de teto máximo.
Na faixa de renda mensal de 1,5 mil imóveis até 125 mil reais.

  • Região Norte, Nordeste e Centro Oeste

Preços dos imóveis passam para 180 mil.
Na faixa de renda mensal de 1,5 mil imóveis até 120 mil reais.

  • Cidades com menos de 20 mil habitantes o teto máximo é de 90 mil


  • Vigência do novo teto

A partir de 4 de janeiro de 2016.


       Limites do subsídios para a faixa 2 e 3 do Minha Casa Minha vida 3

O valor limite passa a ser de até 27,5 mil subsidiado.
Para a nova faixa 1,5 do programa o máximo é de R$45 mil e juros de 5% ao ano.


3     Renda mensal das famílias do Minha casa Minha Vida 3

Famílias com renda mensal de até 1,8 mil          = faixa 1
Famílias com renda mensal entre 1,8 e 2,35 mil = faixa 1,5
Famílias com renda mensal entre 2,35 e 3,6 mil = faixa 2
Famílias com renda mensal entre 3,6 e 6,5 mil   = faixa 3


       Juros do Minha Casa Minha Vida 3

Faixa 1       = isentos
Faixa 1,5    = 5% ao ano
Faixa 2 e 3 = entre 6% e 8%


        Faixa 1 e o limite da prestação

10% do valor da renda mensal para famílias que fazem parte da renda mínima (R$ 800,00) será destinado ao pagamento das parcelas, antes era de 5% o comprometimento da renda. Para famílias de maior renda pode chegar a 20%.





Fonte: http://boo-box.link/26GYM