/>

26/02/14

DOWNLOAD PROGRAMA IR 2014



Link direto para o site da Receita Federal onde esta disponível o download do programa de declaração de imposto de renda para Pessoa Física 2014. Download disponível para instalação em computadores de mesa.








Contribuintes que usem Table e Smartfone podem baixar o programa a partir de 06/03/2014




FONTE:http://www.receita.fazenda.gov.br/PessoaFisica/IRPF/2014/declaracao/download-programas.htm

5 comentários:

  1. Olá Maria,obrigado pela oportunidade de esclarecer nossas dúvidas.

    ResponderExcluir
  2. Olá Maria,obrigado pela oportunidade de esclarecer nossas dúvidas.
    Adquiri um terreno em 2003 e acabei de vende-lo em fevereiro de 2014 e tenho outro que declaro mas ainda naõ tenho a escritura definitiva em meu nome.A pergunta é, devo considerar como sendo proprietário, ou só depois de escriturado em meu nome?

    ResponderExcluir
  3. Oi Roberto. Obrigado, até onde tenho conhecimento posso ajudar. Para a Receita não importa de que forma se deu a aquisição do imóvel se por escritura pública contrato particular, ou recibo de compra e venda e também se o imóvel é na planta ou em construção. A data da aquisição é sempre a do contrato particular. Sendo assim em 2013 eras dono de dois imóveis e vendeste um deles em 2014. Tens que recolher o imposto sobre lucro deste que vendeste porque tinha outro em teu nome mesmo que não escriturado.

    ResponderExcluir
  4. Boa tarde, Maria Angela. Parabéns pelo blog.

    Uma pergunta pontual:

    Ano passado, um imóvel que possuo ficou desocupado por 10 meses. Em novembro de 2013 aluguei-o. E recebi rendimento em Novembro e Dezembro.

    Do primeiro aluguel, a Imobiliária me cobrou taxa de captação, vistoria, etc chegando a 50% do valor do primeiro aluguel. O segundo aluguel eu recebi, porém o condômino não pagou o iptu.

    Dessa forma, dos rendimentos obtidos, posso pressupor que posso abater o valor gasto com o IPTU do imóvel e o montante de condomínio de Janeiro à Outubro?

    Pq se olhar, eu mais gastei do que obtive renda. Assim, eu nao preciso declarar essa renda (pois se eu subtrair custos com receitas, dá uma conta negativa)?

    No caso sou funcionario público e já tive desconto retido na fonte.

    Se eu tenho que declará-la, onde coloco os gastos com o iptu e condominio do imóvel?

    Muito obrigado!!!!

    ResponderExcluir
  5. Olá. Não podes cobrar o IPTU integral de um inquilino que entra no final do ano, apenas a parcela de novembro e a de dezembro. Assim pegue o valor do aluguel recebido em novembro de 2013 e desconte o valor total que a imobiliária te cobrou pela intermediação que você diz que foi 505 do aluguel e também uma parcela do IPTU que como o locatário não pagou você pode descontar.
    No mês de novembro você desconta do aluguel recebido, a comissão da imobiliária e outra parcela do IPTU.
    Você não pode deduzir o condomínio porque nos meses de janeiro a outubro o imóvel não estava alugado e em novembro e dezembro o inquilino foi quem o pagou.

    Na declaraçãod e renda você vai informar o aluguel recebido em novembro e em dezembro com os descontos da imobiliária e IPTU e em pagamento para pessoa jurídica informa o CNPJ da imobiliária e todos os pagamento efetuados para esta.
    A imobiliária tem que te entregar o relatório de rendimentos de aluguel do ano de 2013 onde informa o que recebeste e o que pagaste pois tens que informar exatamente igual a ela.
    Tens que declarar mesmo que não tenhas imposto a recolher.
    Gastos com IPTU e condomínio não informas apenas bate quando pago por você durante o processo de locação do imóvel. abraços

    ResponderExcluir

Meu Blog é democrático e criticas só virão a aperfeiçoar seu conteúdo. Fique a vontade para criticar, elogiar, sugerir ou implorar, eh,he,he.
Criticas ofensivas serão apagadas, criticas construtivas serão mantidas,
Se teu comentário não for respondido em 24 horas, envie um Email pois posso não ter recebido a notificação de que foi postado.

DÊ PREFERÊNCIA EM ME ENVIAR UM EMAIL

EMAIL: mcamini150@gmail.com