/>

08/10/13

CERTIFICADO DE RECEBÍVEIS IMOBILIÁRIO (CRI)



È um título de crédito imobiliário de longo prazo, emitido por uma empresa chamada securitizadora. Um documento que concede a quem o tenha, o direito de receber um determinado valor em uma data combinada.
O título de crédito baseia-se em contratos do ramo imobiliário como os contratos de compra e venda de imóveis na planta ou em construção financiados direto com empresa construtora onde o próprio imóvel a ser adquirido é dado como garantia de pagamento. São regidos pela Lei 9514/97 (governo FH).

O construtor precisa de dinheiro para construir. Ele vende ou promete vender os imóveis antes que fiquem prontos. A venda em geral é parcelada e o comprador é quem financia a construção assumindo o pagamento mensal de parcelas por um determinado tempo. Não tem porque o construtor esperar para receber parcelado se ele pode negociar com uma empresa o valor total da divida do comprador e receber isso antecipadamente.
Desta forma o construtor vende os créditos que tem a receber para uma empresa que irá juntar a divida de alguns compradores, transforma-los em um título de crédito que se chamará Certificado de Recebíveis Imobiliários.
É uma forma de o construtor obter rapidamente um dinheiro que iria receber parceladamente.

RECEBÍVEIS
No assunto em questão é o que o investidor pode receber isto é, o dinheiro investido com o lucro obtido. Se o investidor compra os certificados de créditos receberá ao resgata-lo o dinheiro que pagou mais o que os créditos renderam. Isso não significa que não possa haver prejuízo.

SECURITIZADORA
São empresas não financeiras formadas por uma sociedade de ações e tem como objetivo a aquisição e securitização destes créditos imobiliários para emitir títulos e coloca-los no mercado de ações.

SECURITIZAÇÃO
É a estrutura de toda a negociação que inicia com a compra do imóvel na planta financiado (ou imóvel pronto com habite-se financiado com banco) direto com o construtor e termina com a  negociação do título de crédito em bolsa de valores, passando por emissão destes títulos, oferta a investidores, etc. Todo processo é registrado em um documento chamado “termo de securitização”.

Securitizar nada mais é do que pegar os direitos que uma pessoa ou empresa possui e transforma-los em créditos que podem ser negociados com investidores. A empresa securitizadora compra os créditos da empresa construtora, transforma em título e os vende para investidores.
As empresas são reguladas e fiscalizadas pela Comissão de Valores Mobiliários.

Resumindo: você compra um imóvel financiado e terceiros lucram com a tua divida.


Leitura recomendada

http://www.saberimobiliario.blogspot.com.br/2013/10/imovel-na-planta-doc-em-nome-de.html

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Meu Blog é democrático e criticas só virão a aperfeiçoar seu conteúdo. Fique a vontade para criticar, elogiar, sugerir ou implorar, eh,he,he.
Criticas ofensivas serão apagadas, criticas construtivas serão mantidas,
Se teu comentário não for respondido em 24 horas, envie um Email pois posso não ter recebido a notificação de que foi postado.

DÊ PREFERÊNCIA EM ME ENVIAR UM EMAIL

EMAIL: mcamini150@gmail.com